É possível vender resíduos perigosos?

by Victor

É possível vender resíduos perigosos?

by Victor

by Victor

O que você faz com os resíduos perigosos que produz?  Leia e saiba se é possível vender esse tipo de resíduo e como descartá-lo corretamente!

Créditos da imagem: https://placafacil.net/Detalhe.aspx?cod=001594

No lixo produzido diariamente, há muitos materiais que não são recicláveis, como: pilhas, baterias, lâmpadas, embalagens sujas de óleo, latas de tinta etc.

O que muita gente não sabe, é que vários desses resíduos, possuem em sua composição alguns materiais com alto poder contaminante e que não podem ir para o lixo comum. Esses materiais são denominados por resíduos perigosos e necessitam passar por processos químicos para que possam ser descartados sem prejuízo para os seres vivos e para o meio ambiente.

Por necessitarem de um tratamento mais elaborado para seu descarte, a norma NBR 10.004 divide os resíduos sólidos em duas classes. Veja:

Resíduos de Classe I – Perigosos

Resíduos que em função de suas propriedades físico-químicas e infectocontagiosas podem apresentar risco à saúde pública e ao meio ambiente.

Os resíduos de Classe I apresentam pelo menos uma das seguintes características: inflamabilidade, corrosividade, reatividade, toxicidade e patogenicidade.

Alguns exemplos de resíduos classe I:

borra de tinta, latas de tinta, óleos minerais e lubrificantes, resíduos com thinner, serragem contaminadas com óleo, graxas ou produtos químicos, EPI’s contaminadas (luvas e botas de couro), estopas, borra de chumbo, lodo da rampa de lavagem, lona de freio, filtro de ar, pastilhas de freio, lodo gerado no corte, filtros de óleo, papéis e plásticos contaminados com graxa/óleo e varreduras etc.

Resíduos de Classe II – Não Inertes e Inertes

Já os resíduos classe II, são divididos em A e B.  Eles não se enquadram na classificação de resíduos Classe I e podem apresentar uma das propriedades: combustibilidade, biodegrabilidade ou solubilidade em água.

Posso vender resíduos perigosos?

Na maioria dos casos, os resíduos pertencentes à classe I não poder ser vendidos. Para o descarte desse material, as empresas ou pessoas que os produzem em grande quantidade, devem procurar empresas especializadas em descarte correto e pagar por isso.

Mas fique tranquilo! Há também a possibilidade de devolver alguns tipos de resíduos para seus produtores darem fins corretos para eles. Essa alternativa foi firmada pela  Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) lei 12.305/10. Através dela, foi estabelecido que determinados resíduos sólidos perigosos, após o consumo, devem retornar à indústria ou setor comercial para serem devidamente reciclados ou descartados de forma ambientalmente correta.

Esse sistema de retorno do resíduo do consumidor para o produtor é conhecido como logística reversa.

De acordo com o Sinir, a logística reversa é:

Um instrumento de desenvolvimento econômico e social caracterizado por um conjunto de ações, procedimentos e meios destinados a viabilizar a coleta e a restituição dos resíduos sólidos ao setor empresarial, para reaproveitamento, em seu ciclo ou em outros ciclos produtivos, ou outra destinação final ambientalmente adequada.

 

De acordo com o site Conexão Planeta, alguns resíduos já possuíam sistemas de logística reversa antes do surgimento da PNRS, por meio de outras tratativas previstas em lei: pneus, embalagens de agrotóxicos, óleo lubrificante usado ou contaminado e pilhas e baterias. Um exemplo disso é que pela Resolução CONAMA 401/2008, os estabelecimentos que vendem pilhas e baterias devem conter pontos de recolhimento adequados.

Confira algumas dicas!

Algumas universidades, supermercados e estabelecimentos comerciais aceitam determinados tipos de resíduos perigosos e fazem o descarte correto deles ou encaminham para empresas responsáveis. Procure em sua cidade quais estabelecimentos fornecem esse tipo de serviço!

Confira aqui como descartar resíduos de oficinas

Descarte de embalagens de agrotóxicos

Descarte de Lâmpadas

Como descartar eletrodomésticos usados?

Descarte de lixo eletrônico

 

O descarte correto de resíduos perigosos é previsto por lei! As empresas que o realizam, passam a ter diversos certificados ambientais de que não estão prejudicando o meio ambiente.

É importante que você, pessoa física ou jurídica, fique atento ao tipo de lixo que produz. Em alguns casos, como os recicláveis, a venda de resíduos é uma boa alternativa para aumentar sua renda. Já no caso dos resíduos perigosos e contaminantes, você deve  procurar por estabelecimentos que descartem esses materiais gratuitamente ou pagar para que empresas realizem o descarte correto.

venda de resíduos

 

A Witzler realiza o descarte de uma série de resíduos perigosos! Quer saber mais sobre o assunto?  Fale com a gente!

Com a Witzler, é simples ser sustentável!

*Unidade de tratamento de resíduos em Uberlândia – Rua João Ascindino da Costa 295 –  Telefone: (34) 3226 8772.

*Unidade de tratamento de resíduos em Bauru – Rua Iracema Cândida Posca 1-110, Distrito Industrial III – 17064864. – Telefone: (14) 3223-8722

Facebook

Instagram

 

 

Top